Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

Refer concorre a 680 milhões para linha de mercadorias de Évora à fronteira

05.11.12 | barak

Financiamento fica a depender dos fundos comunitários. Primeira parte da nova linha deverá avançar ainda este ano.

A Refer vai apresentar candidaturas, no valor global de cerca de 680 milhões de euros aos fundos comunitários, para a execução do troço ferroviário entre Évora e o Caia, na fronteira com Espanha. Com esta nova linha, especialmente vocacionada para as mercadorias, ficará concluída a ligação de Sines a Espanha por via férrea e é abandonado, pelo menos conjunturalmente, o anterior projecto de alta velocidade.

"A Refer pretende candidatar ainda este ano ao POVT [Programa Operacional de Valorização do Território] um montante de aproximadamente 30 milhões de euros para a execução do troço Évora-Évora Norte, que deverá, caso seja aprovado, iniciar as expropriações de terreno durante o próximo ano", revelou ao Diário Económico Rui Loureiro, presidente da gestora da rede ferroviária nacional. Este troço deverá ter uma extensão de cerca de dez quilómetros.

De acordo com Rui Loureiro, "os restantes 650 milhões de euros para a conclusão do troço Évora Norte-Caia estão previstos candidatar ao novo quadro comunitário, não se considerando incluir outras infra-estruturas para além das ferroviárias". Isto quer dizer que o valor em causa não abrangerá construção de eventuais estações, acessos ou outras infra-estruturas complementares, como a sinalização ou as telecomunicações, cujos valores de investimento e formas de financiamento só serão detalhados posteriormente .