Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

Évora: Reitor alerta para consequência “catastróficas” dos corte às universidades

02.11.12 | barak
O reitor da Universidade de Évora, Carlos Braumann, alerta para as consequências dos cortes previstos para as universidades no Orçamento de Estado para 2013.

“Depois de cortes sucessivos, que, em certas áreas, foram para além das gorduras, já não há margem para acomodar cortes adicionais”, avisou Carlos Braumann.

Na cerimónia do dia da universidade, o reitor realça que “a dotação do Orçamento de Estado de 2013” para a academia “sofreu um corte efetivo superior a 11%”.

Mas houve também aumento de “encargos com a b-on, o subsídio de Natal reposto e o aumento de 15% para 20% da comparticipação para a Caixa Geral de Aposentações”.

As novas regras da administração pública, que aparentemente têm aparecido para conter os custos e que estão a minar a autonomia universitária, vêm agravar a

situação pois tornam, de facto, mais onerosa a aquisição de bens e serviços e comprometem a capacidade das instituições angariarem receitas próprias”, afirma.

Carlos Braumann constata que “o ensino superior foi mais uma vez duramente castigado a níveis que ultrapassam sobremaneira outros setores do Estado”.

O reitor diz que estará com os restantes membros do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas “na defesa da preservação destas instituições”.

Admitindo que os órgãos de poder político não desejam as inevitáveis consequências catastróficas destes cortes, haverá ocasião de, em sede de especialidade, serem repostos os valores cortados. Vamos esperar que o bom senso prevaleça”, conclui.