Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

Évora: FIKE adiado por falta de financiamento

12.10.12 | barak
A edição deste ano do Festival Internacional de Curtas-Metragens de Évora foi adiada por falta de financiamento.

O diretor do FIKE, João Paulo Macedo, explicou à DianaFm que a organização decidiu adiar o evento devido “à falta de meios para cumprir com os compromissos e com as obrigações que decorrem da realização do festival”.

Isto acontece porque, este anos, vimo-nos impedidos de aceder ao apoio da Câmara de Évora, no âmbito do Festival Terras do Sol, verbas do InAlentejo”, indicou.

João Paulo Macedo disse que a organização está agora a “tentar encontrar fontes alternativas de financiamento para o festival”.

À DianaFm, o presidente da Câmara de Évora, José Ernesto Oliveira, lamentou que “seja a câmara a única entidade a apoiar o FIKE, permitindo a sua realização”.

Pelo os vistos, quando a câmara, por razões que são de todos conhecidas, não pode garantir esse apoio, ninguém mais está disponível para apoiar”, disse.

O autarca referiu que “a câmara era o único suporte de toda a atividade cultural que havia no nosso concelho”, alertando que, “com as dificuldades que são presentes e que toda a gente conhece, a vida cultural, economia e social do nosso municipal está a atravessar um período de grande dificuldade”.

O evento é organizado pela Sociedade Joaquim António Aguiar e pelo cineclube da Universidade de Évora, em parceria com a associação Estação Imagem.

Estava marcado para 17 a 28 deste mês.