Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

Évora: barreira de terra desaba e faz um morto

26.08.11 | barak

Uma barreira de terra desabou, esta quarta-feira, numa obra perto da Arena d¿Évora, soterrando duas pessoas. Uma das vítimas já foi retirada com vida, apresentando ferimentos ligeiros, mas há um morto a registar, que aparenta ter entre 25 e 30 anos, avançou fonte do CDOS à TVI.

A barreira de terra caiu por volta das 17:00, numa obra perto da Arena de Évora e soterrou duas pessoas que se encontravam a trabalhar no local.

Um dos trabalhadores foi retirado, apenas com ferimentos ligeiros e transportado para o hospital de Évora. A outra vítima continua soterrada, mas já foi localizada e decorrem os trabalhos de remoção da terra para a retirar.

A operação de socorro mobilizou a Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Évora e sete veículos e 20 elementos dos bombeiros voluntários de Évora e de Viana do Alentejo, avança a Lusa. 

Dona da obra pede relatórios

A Fundação Alentejo, dona da obra onde ocorreu o desabamento, já pediu relatórios do sucedido ao empreiteiro e às empresas de coordenação de segurança e de fiscalização da obra.

«De imediato, entrámos em contacto com a empresa construtora, a quem solicitámos um relatório», adiantou à Agência Lusa a presidente da Fundação Alentejo, Fernanda Ramos, acrescentando que a instituição vai agora «aguardar» pelas respostas do empreiteiro.

A mesma responsável da fundação revelou que foram igualmente pedidos relatórios a mais duas empresas: a de coordenação de segurança e a de fiscalização da obra. «A informação que tenho é de que, efetivamente, há uma técnica, uma engenheira, que está permanentemente em obra, exatamente para garantir as condições de segurança» da mesma, realçou Fernanda Ramos, quando questionada pela Lusa sobre os procedimentos de segurança da empreitada.