Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

Governo decide TGV em Setembro

19.08.11 | barak

O Governo decide em Setembro o que vai fazer quanto ao projecto de TGV, disse ontem o ministro da Economia, no final de um encontro com o seu homólogo espanhol em Madrid. Mas o transporte ferroviário de mercadorias para Espanha, seja através da linha de alta velocidade ou convencional, é fundamental, garantiu Álvaro Santos Pereira.

 

Os dois tipos de linhas integram o contrato de construção do TGV entre o Poceirão e o Caia, assinado com o consórcio liderado pela Soares da Costa e renegociado no início deste ano. O contrato prevê a construção de uma linha de alta velocidade de passageiros e mercadorias e uma outra, convencional, entre Évora e o Caia, apenas para mercadorias, que liga ao porto de Sines.

A ligação entre Sines e Madrid é decisiva para as mercadorias a ponto de constar dos acordos luso-chineses feitos com autoridades portuárias. Face à ligação actual, pelo Entroncamento, a poupança de tempo até Madrid ascende a seis horas e menos 200 quilómetros. Até ao momento, o consórcio vencedor gastou 150 milhões de euros pelo que será esse, no mínimo, o valor da indemnização. "Fica mais caro do que avançar com o projecto da alta velocidade", garantiu ao CM Ana Paula Vitorino, ex-secretária de Estado dos Transportes, sublinhando que até 2013 o investimento do Estado é da ordem dos 100 milhões de euros. Por outro lado, sublinha, irão perder-se fundos comunitários superiores a 900 milhões de euros.