Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

olharevora

Um olhar crítico/construtivo sobre a cidade de Évora

Queima das Fitas em Évora arranca sábado com cartaz "mais eclético" e bandas internacionais

27.05.11 | barak
Um concerto do músico de reggae Patrice inicia  sábado à noite a tradicional Queima das Fitas de Évora, que se prolonga  até 04 de junho, apostando num "cartaz mais eclético" e em bandas internacionais.

"Fizemos uma clara aposta num cartaz mais eclético, em que dividimos  os dias da queima por tipo de música, e também nas bandas internacionais",  disse hoje à Agência Lusa o presidente da Associação Académica da Universidade  de Évora (AAUE), Luís Rodrigues. 

 

    Para o dirigente estudantil, "o Alentejo também deve ter a oportunidade  de assistir a espetáculos de outro tipo de bandas e não sempre as típicas  bandas que estão em Portugal". 

 

    A AAUE, promotora da festa dos estudantes, teve "uma preocupação com  o preço dos bilhetes", tendo em conta a crise económica, disponibilizando  "preços convidativos" que variam entre os três e os 14 euros para entradas  diárias. 

 

    "Não podemos baixar o preço dos bilhetes devido a todos os custos que  temos, mas o preço manteve-se na linha dos do ano passado", assegurou Luís  Rodrigues. 

 

    Com um orçamento superior a 300 mil euros, a Queima das Fitas de Évora  arranca sábado com o músico de reggae Patrice como cabeça de cartaz, seguindo-se,  no domingo, os portugueses Diabo na Cruz. 

 

    Quim Barreiros (segunda-feira), Peste & Sida (terça-feira), Gunther  and The Sunshine Girls (quarta-feira), Banda Lusa (quinta-feira), Mastiksoul  (sexta-feira) e Xutos & Pontapés (sábado) são os outros cabeças de cartaz  do evento.  

 

    Além da atuação de DJ's e de várias tunas, o programa da Queima das  Fitas de Évora inclui ainda atividades desportivas, uma garraiada académica  e o tradicional cortejo académico, entre outras iniciativas.