Quarta-feira, 10 de Outubro de 2012

Novo ACES do Alentejo Central abrange quase 180 mil utentes

Quase 180 mil utentes vão ser servidos pelo novo Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) do Alentejo Central, resultante da reestruturação de serviços na região de Évora e cuja criação foi esta terça-feira oficializada em Diário da República, avança a agência Lusa.

 

Este novo ACES resulta da fusão dos Agrupamentos de Centros de Saúde do Alentejo Central I e II, passando a abranger todos os serviços de cuidados de Saúde primários nos 14 concelhos do distrito de Évora.

 

A reestruturação, já anunciada pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo no início de Setembro, como a agência Lusa noticiou na altura, foi esta terça-feira publicada em Diário da República (DR).

 

A portaria, consultada pela Lusa, está datada de 25 de Setembro e foi assinada pelos ministros da Saúde, de Estado e das Finanças e Adjunto e dos Assuntos Parlamentares, Paulo Macedo, Vítor Gaspar e Miguel Relvas, respectivamente.

 

As alterações ao “mapa” da organização dos centros de Saúde na região de Évora visam “uma combinação mais eficiente dos recursos disponíveis e de factores geodemográficos, no respeito pela nomenclatura de unidades territoriais para fins estatísticos (NUTS) como princípio agregador”.

 

“Para o efeito, procede -se à fusão das atribuições cometidas aos actuais Agrupamentos de Centros de Saúde do Alentejo Central I e Central II num único ACES, denominado Agrupamento de Centros de Saúde do Alentejo Central”, com vista a obter “sinergias e uma maior capacidade operacional”, refere ainda a portaria.

 

O novo ACES do Alentejo Central vai servir 179.065 utentes e é constituído pelos centros de Saúde de Alandroal, Arraiolos, Borba, Estremoz, Évora, Montemor-o-Novo, Mora, Portel, Redondo, Reguengos de Monsaraz e Mourão, Vendas Novas, Viana do Alentejo e Vila Viçosa.

 

Os recursos humanos do ACES totalizam 763 pessoas, dos quais 143 são médicos e 210 enfermeiros, repartindo-se os restantes por outras categorias profissionais.

 

No início de Setembro, a ARS do Alentejo assegurou que o objectivo da reorganização é oferecer "uma maior e melhor prestação dos diferentes tipos de cuidados de Saúde".

 

Com as alterações, sublinhou, "será possível optimizar os recursos existentes e a capacidade instalada, aproveitar as sinergias e aumentar a eficiência e a eficácia dos serviços".

 

No Alentejo existem também o Hospital do Espírito Santo, de Évora, e as Unidades Locais de Saúde do Baixo Alentejo e do Norte Alentejano.

 

O Conselho de Ministros aprovou ainda, na última quinta-feira, a criação da Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano, que vai integrar o hospital e o ACES daquela sub-região.

publicado por barak às 13:21
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Se eu fosse presidente da...

. Évora: Pais e alunos cont...

. Paulo Macedo garante anal...

. Polémica: Autarca de Évo...

. M'ar de arAqueduto. Uma e...

. Requalificação do IP8 e I...

. Évora renegociou contrato...

. Alentejo tem novo canal d...

. Évora: Embraer amplia áre...

. FAM - PCP culpa PS por mu...

.arquivos

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Janeiro 2014

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds